9 alimentos que estimulam a imunidade para evitar o resfriado e a gripe

Ervas e especiarias frescas

Uma das maneiras mais essenciais de fazer isso é optar por encher seu prato com alimentos que melhoram o sistema imunológico, enquanto minimiza aqueles que estão prejudicando sua saúde e energia!

Embora os suplementos também possam ser úteis para impulsionar seu sistema imunológico, é absolutamente imperativo que comecemos pela verificação da sua dieta. Se você não está recebendo as vitaminas e minerais que seu sistema imunológico precisa para funcionar de maneira eficaz os suplementos são limitados em quanto eles podem ajudar! Isso é especialmente verdadeiro se houver alimentos em sua dieta que causam estresse no sistema imunológico e também compartilharei quais alimentos evitar ou minimizar mais adiante. Quando otimizamos sua dieta primeiro, podemos obter benefícios muito maiores ao adicionar mais tarde suplementos para um aumento adicional!

1. Alho

O alho é de longe a minha comida favorita para melhorar o sistema imunológico! Ele contém uma substância química natural chamada “alicina” que se converte em uma poderosa substância química estimulante do sistema imunológico quando é exposta ao oxigênio. Triturar ou picar alho fornece essa exposição ao oxigênio e adicionar alho cru esmagado a molhos de salada caseiros ou guacamole é uma maneira fabulosa de tirar proveito de todo o seu potencial imunológico!

O alho fortalece a maneira como nosso sistema imunológico reage e afasta os vírus , como o coronavírus. Estudos demonstraram que os indivíduos que tomam um suplemento de alho são  menos propensos a desenvolver um resfriado do que aqueles que  não tomam nenhum e acabam ficando mais doentes em um período mais curto. 

Felizmente, não há necessidade de suplementar o alho em cápsula já que podemos  facilmente incorporar à sua dieta diária como um delicioso alimento que estimula o sistema imunológico!

2. Gengibre

O gengibre é conhecido  pelo seu sabor picante, e tem ação antioxidante no corpo agindo na prevenção de doenças como gripes, resfriados, câncer e envelhecimento precoce. Além disso ele ajuda no sistema imunológico e tem ação anti-inflamatória, e também é muito eficiente contra náuseas e faz maravilhas para acalmar uma dor de estômago !

 O gengibre também  possui propriedades antibacterianas e antivirais. Seja um apreciador de um chá delicioso para ajudar estimular seu sistema imunológico  ou utilizar em saladas e outros pratos ou até mesmo nos sucos.

3. Cogumelos

Os cogumelos são alimentos excepcionais que estimulam o sistema imunológico , com as variedades que temos nos supermercados disponíveis, incluindo shitake, shimeji, cogumelos entre outros. Estes cogumelos contem  polissacarídeo imunomoduladores que equilibram e regulam sua função imunológica ajudando a mantê-lo saudável o ano todo!

Como você incorpora esses cogumelos em sua dieta diária? Simplesmente jogue-os como uma adição deliciosa a qualquer curry , sopa ou refogado! Com uma textura levemente carnuda os cogumelos e shitake são uma ótima alternativa para desfrutar em vez de utilizar frango ou carne.

4. Alimentos Fermentados

Os alimentos fermentados contêm culturas bacterianas vivas que ajudam o sistema digestivo a decompor os alimentos e que também têm um papel no apoio ao sistema imunológico. Alguns dos ingredientes fermentados mais populares incluem kimchi, chucrute, missô e tempeh , além de bebidas como kefir e kombucha. O iogurte também é uma ótima opção no entanto como qualquer laticínios existe aqueles que tem sensibilidade alimentar então sugiro escolher uma opção de iogurte à base de coco ou nozes sem laticínios.  

Alimentos fermentados que estimulam a imunidade ajudam a reabastecer seu trato digestivo com bactérias benéficas e imunossuportantes. Uma vez que 70% da sua atividade imunológica está localizada no seu intestino garantir que a saúde do seu intestino esteja em boa forma é uma das principais prioridades quando se trata de impulsionar o seu sistema imunológico e assim ter boa saúde!

5. Ervas e especiarias frescas

Sim tomar óleo de orégano como suplemento é um potente remédio antimicrobiano e antiviral. Você já usou ervas frescas em sua cozinha como orégano, alecrim, tomilho e sálvia?

As ervas frescas são ricas em óleos voláteis que contêm centenas de produtos químicos naturais potentes que podem ajudar a impulsionar seu sistema imunológico.  

Como você deve incorporar ervas e temperos frescos à sua cozinha? É fácil eu adoro usar manjericão fresco ou sálvia em meus molhos para salada e adicionar alecrim fresco a legumes assados ​​e polvilhar tomilho em cima de um delicioso ensopado caseiro . 

Eu uso ervas frescas como ingrediente básico nas minha receitas do juntamente com muitos outros ingredientes que aumentam a imunidade como alho, gengibre, cogumelos e sementes de abóbora.

6. Frutas e legumes coloridos

Procure incluir no seu prato todas as cores do arco-íris é muito provável que aí você tenha um sistema imunológico saudável! Vegetais coloridos são ricos em fitonutrientes, vitaminas e antioxidantes que sustentam a função imunológica saudável. Cada um dos vários pigmentos coloridos trazem diversos benefícios à saúde! 

No que diz respeito à saúde imunológica uma das melhores cores a incluir são os vegetais alaranjados brilhantes que são ótimas fontes de beta-caroteno e também a cenoura, batata doce e abóbora são ótimas maneiras de abastecer seu corpo com todo o beta-caroteno necessário para ativar seu sistema imunológico! 

7. Alimentos ricos em zinco

Como mineral o zinco é crucial para a função saudável e o desenvolvimento das células imunológicas. Além disso é um importante hormônio modulador imunológico a timulina e depende de níveis adequados de zinco para funcionar. 

As melhores fontes alimentares de zinco incluem carne, mariscos (especialmente ostras), sementes como abóbora ou cânhamo e nozes (especialmente cajus). Embora as nozes sejam uma boa fonte de zinco elas também podem trazer sensibilidades alimentares comuns, então é necessário identificar se você tem sensibilidade alguns alimentos sempre. 

8. Castanha do Brasil

A castanha-do-pará é a maior fonte de alimento de um importante mineral impulsionador do sistema imunológico o selênio que foi estudado como sendo de vital importância para a capacidade do nosso sistema imunológico de evitar vírus como o coronavírus. Estudos também demonstraram que aqueles que são deficientes em selênio (e outros minerais) têm maior risco de certos vírus se transformarem em cepas mais patogênicas .

Você não precisa de muito selênio para apoiar a função imunológica saudável como a castanha do Brasil é tão abundante nesse mineral você só precisa consumir 2-4 nozes por dia para obter uma ingestão adequada. As castanhas do Brasil podem ser acrescentadas em um smoothie ou como snacks na hora do lanche ou picadas e polvilhadas em uma salada. É importante observar que o selênio pode ser tóxico em quantidades excessivas. Por favor fale com seu médico para garantir que sua ingestão seja suficiente mas que você não consome acidentalmente excesso de selênio. 

9. Alimentos ricos em vitamina C

A vitamina C é vital para a função imunológica saudável ! Felizmente se você está mantendo uma dieta saudável repleta de frutas e legumes é fácil obter vitamina C adequada. Os benefícios desse nutriente incluem o suporte a barreiras imunológicas saudáveis ​​que mantêm vírus e bactérias afastados. E que aumenta a atividade de suas células imunológicas mais importantes. 

As melhores fontes alimentares de vitamina C incluem frutas cítricas, morangos , kiwis, frutas vermelhas, couve, brócolis e pimentão. Embora os cítricos e os pimentões forneçam ao seu corpo a vitamina C necessárias eles também podem ser não muito tolerados por algumas pessoas, então tomem cuidado para não utilizar em excesso ou somente fazer a troca por outros alimentos.

3 coisas a evitar ou minimizar para um sistema imunológico saudável:

1. Açúcares refinados, carboidratos vazios, bebidas açucaradas e alimentos processados

Concentre-se em ingerir mais alimentos que acrescentam coisas boas no seu corpo e trabalhe para minimizar aqueles que aumentam o açúcar no sangue e causam inflamação sem fornecer as vitaminas, minerais e antioxidantes que são tão vitais para a sua saúde imunológica. Os piores culpados por isso incluem os assados ​​mais convencionais como biscoitos, bolos, refrigerante, doces e qualquer coisa feita com farinha branca refinada (como pães brancos). Não apenas os carboidratos e açúcares em excesso eliminam os nutrientes essenciais, mas também prejudicam diretamente sua função imunológica . 

Felizmente isso não significa que você nunca pode desfrutar de sobremesa, mas é muito importante escolher receitas que usem ingredientes alimentares reais e integrais com o mínimo de adição de açúcar ! 

2. Álcool

O álcool prejudica o sistema imunológico por causa de seus efeitos no trato digestivo e no sistema respiratório. Especificamente o álcool tem efeitos prejudiciais sobre o microbioma intestinal bem como a saúde de nossas células gastrointestinais e células imunológicas. Efeitos semelhantes ocorrem em nossos pulmões e a ingestão de álcool pode aumentar o risco de infecções respiratórias, incluindo pneumonia.

Além disso a ingestão de álcool afeta negativamente a qualidade do seu sono e diminui quanto tempo é gasto no sono REM restaurador. No geral diminuir a ingestão de álcool é uma das muitas coisas que você pode fazer para ajudar a apoiar seu sistema imunológico!

Adora ter algo para beber? Tente substituir algumas de suas bebidas alcoólicas usuais por um saboroso Spritzer.

3. Sensibilidades alimentares

Você já pensou que poderia haver alimentos “saudáveis” em sua dieta diária que estão diretamente ativando seu sistema imunológico e esgotando seus recursos imunológicos e também causando diretamente inflamação? Esses tipos de reações são chamados de sensibilidades alimentares e ajudar identificar suas sensibilidades alimentares pode tornar-se um dos aspectos mais importantes da sua busca por uma vida mais saudável .

As sensibilidades alimentares são causadas por uma reação imune retardada que envolve a produção de anticorpos contra as proteínas em certos alimentos. Os sintomas desencadeados pelas sensibilidades alimentares podem incluir fadiga, nevoeiro cerebral, inchaço, distúrbio digestivo ou irregularidade, dores de cabeça, dor nas articulações, congestão nasal, acne e eczema.

As sensibilidades alimentares podem resultar de vários gatilhos alimentares diferentes e uma dieta de eliminação é a melhor maneira de identificar quais alimentos estão alimentando seu corpo em comparação com aqueles que estão prejudicando sua saúde e função imunológica. 

Espero que esses alimentos que melhoram o sistema imunológico ajudem a mantê-lo saudável e a se sentir melhor.

Vanessa Bonafini

http://www.vanessabonafini.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s