O que são os superalimentos e como você pode usá-los para melhorar sua alimentação

O que superalimentos destacam-se por serem alimentos ricos em nutrientes essenciais, que são  excelentes, para o bom funcionamento do organismo tais como vitaminas, minerais, antioxidantes, aminoácidos , fibras, ácidos gordos essenciais está.
Superfoods, SuperAlimentos

O QUE SÃO SUPERALIMENTOS?

Um superalimento é um alimento particularmente rico em compostos como antioxidantes, fibras ou ácidos graxos, que são especialmente benéficos para a saúde. Bem amplo, certo? Bem, tudo se resume às alegadas propriedades de melhoria da saúde que os alimentos têm e benefícios nutricionais que você pode obter com eles.

Espinafre e couve podem ser considerados superalimentos, graças à sua abundância de vitaminas e minerais e a todos os benefícios da promoção da saúde que você recebe ao comê-los. O mesmo vale para um suco verde cheio de superalimentos. Além disso, coisas como os adaptogens – também conhecidos como cogumelos medicinais, ervas e temperos frequentemente usados ​​na medicina oriental – podem ser considerados superalimentos e também usamos em muitas receitas em Nutrition Stripped.

Quando você vê os alimentos como uma ferramenta para sua saúde que ajuda a prevenir doenças crônicas, mantém sua mente afiada, sustenta seu sistema imunológico ou lhe dá mais energia, então você deseja consumir os alimentos que oferecem o melhor retorno possível – os alimentos que fornecem várias dessas vantagens em uma única mordida.

Então, quais são alguns dos superalimentos mais populares no momento? Leia sobre três superalimentos modernos, mas eficazes, e maneiras comuns de encontrá-los.

VOCÊ PRECISA DE SUPERALIMENTOS E QUANDO DEVE USÁ-LOS?

Em primeiro lugar, se você não está comendo bem de forma consistente um superalimento não vai magicamente torná-lo saudável. 

Pense nos superalimentos como uma maneira de melhorar o sabor ou adicionar um impulso de nutrientes à sua refeição já saudável e equilibrada.

Você não precisa comer superalimentos para ter um estilo de vida saudável. Superalimentos podem ser caros para muitos, mas se é algo que você deseja explorar, pode ser uma maneira divertida de experimentar novos alimentos e melhorar ainda mais à sua refeição.

8 SUPERALIMENTOS COMUNS QUE VOCÊ PODE EXPERIMENTAR PRIMEIRO

Alguns superalimentos vêm em sua forma natural , por exemplo, couve ou outras verduras enquanto outros estão disponíveis em uma capacidade mais conveniente, como  em pó ou líquido. Aqui estão alguns dos superalimentos mais recentes que têm crescido  na popularidade, além do que eles fazem e como usá-los.

Lembre-se, de verificar a fonte de onde está  vindo o seu superalimento e faça algumas pesquisas sobre a marca, para saber se é de boa procedência .

1. Óleo ou Pó MCT

MCT significa triglicerídeos de cadeia média, que é um tipo de gordura. Você encontrará MCTs em cocos e óleo de coco embora possa comprá-lo em forma de óleo, também o encontrará em pó. Seu corpo pode digerir mais facilmente os MCTs, graças à sua cadeia química mais curta.

Um dos maiores benefícios do MCT é que ele pode ajudar a aumentar a saciedade e diminuir a ingestão de alimentos, o que pode levar à perda de peso, de acordo com uma pesquisa. Eles também demonstraram ajudar a melhorar a microbiota intestinal, levando a resultados promissores para queima de energia e saúde metabólica isso é especialmente benéfico para indivíduos obesos.

Obviamente, o MCT não será sua salvação mágica para perda de peso. É um bom complemento para uma dieta saudável, baseada em vegetais mas não é um remédio para perder peso ou resolver todos os problemas de saúde.

Como usar o MCT Powder:

Você pode ter excesso de MCT em sua dieta por isso não exagere no consumo. Tente manter cerca de uma a duas colheres de sopa no máximo por dia. Acrescente facilmente em um smoothie ou uma xícara de café pela manhã para dar à sua bebida uma dose de gorduras saudáveis ​​para mantê-lo satisfeito e com mais energia.

O MCT em pó ou óleo é um ótimo superalimento para experimentar se você gosta de chá ou café com leite, porque pode ser adicionado diretamente a eles.

2. Levedura Nutricional

O fermento nutricional tem um sabor forte e o sabor é semelhante ao queijo cheddar rico e acentuado, por isso é o fator de sabor perfeito em muitas receitas para obter esse sabor de queijo, mesmo se você não come laticínios. É isso que o torna tão popular no estilo de vida vegetariano e vegano!

O fermento nutricional é comumente chamado de “superalimento” porque contém muitas  vitaminas do complexo B, proteínas e fibras em um volume muito pequeno.

Este é um ótimo superalimento para tentar começar, porque entra em muitas receitas à base de plantas e pode ser adicionado com facilidade em muitos alimentos.

Como usar levedura nutricional:
Use levedura nutricional polvilhada em tudo e qualquer coisa! É ótimo no arroz, batatas, pipoca e legumes assados. Você também pode misturá-lo em molhos.

3. Nibs de cacau

 São pequenos grãos de cacau esmagados, embalados com uma abundância de benefícios nutricionais e deliciosos.

 Como a maioria dos produtos de chocolate que existem  por aí as pontas de cacau são naturalmente muito baixas em açúcar. Assim como nossos outros superalimentos, as pontas de cacau são naturalmente embaladas com antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres que de outra forma causariam danos ao nosso corpo. Eles também têm uma quantidade surpreendente de fibras e gorduras, que os tornam um ótimo componente de refeição para aumentar a saciedade.

Além disso, os flavonóides do cacau demonstraram diminuir a inflamação.

4. Goji Berry

Os goji barry ganharam o título de superalimento devido à sua grande densidade de nutrientes e teor de antioxidantes.

Se você nunca experimentou um goji berry, eles têm gosto de passas e amora misturados!

Os goji barry são embaladas com fibra para ajudar a mantê-lo cheio e sustentar energia o dia todo. Eles também são elogiados como uma fonte potente de antioxidantes  a zeaxantina, por exemplo é responsável pela cor vermelha e laranja brilhante do goji berry. Seus antioxidantes ajudam a proteger o corpo dos radicais livres aos quais podemos estar expostos. O consumo de bagas de goji também tem sido associado ao aumento da testosterona, energia, resistência e qualidade do sono.

Como usar bagas de Goji:
Use como faria com qualquer fruta seca! Acrescente com mingau de aveia, saladas ou smoothies. Eles também são ótimos para adicionar um pouco de sabor doce para acompanhar misturas ou sobremesas!

5. Spirulina

Spirulina é uma microalga verde-azulada cultivada e colhida em fontes de água muito alcalina.

Spirulina fornece uma série de benefícios para a saúde. Possui propriedades anti-inflamatórias dos antioxidantes, pode aumentar a função imunológica, proteger o fígado, reduzir reações alérgicas, melhorar a resistência muscular, melhorar o estresse oxidativo, reduzir o câncer bucal e também ajudar a combater infecções e doenças relacionadas a antibióticos. 

A Spirulina também é embalada quase 80% de proteína por peso seco de proteína, essencial para reconstruir o tecido muscular após os treinos, mantendo a massa corporal magra especialmente se você estiver em um plano de perda de peso ou gordura e essencial para o  processo metabólicos no corpo

Como usar Spirulina:
Spirulina pode ser adicionada a smoothies, sobremesas, sucos frescos ou água para aumentar a nutrição. Ele também adiciona uma bela cor azul aqua à receita quando usada!

6. Adaptogens

Os adaptogens incluem uma variedade de produtos, como cogumelos medicinais, ervas e especiarias. Freqüentemente utilizados na medicina oriental eles se tornaram muito mais populares na cultura ocidental nos últimos anos. Esses alimentos oferecem muitos benefícios que promovem a saúde, incluindo possíveis tratamentos e prevenção de doenças. Um estudo também mostrou que os adaptógenos podem ajudar seu corpo a lidar melhor com o estresse, o que geralmente pode causar estragos em seu corpo. Isso também pode levar a uma maior longevidade.

Além dos cogumelos, um adaptógeno popular e conhecido é o açafrão . A cúrcuma em particular mostrou benefícios promissores à saúde como combater a doença de Alzheimer. Outros adaptógenos menos conhecidos incluem ashwagandha, Rhodiola, manjericão, ginseng asiático e Schisandra.A maioria dos adaptógenos é mais comumente usada como anti-inflamatório o que pode ajudar a afastar da doença e da dor.

Como usar o Adaptogens:

Como a maioria dos adaptógenos são especiarias ou ervas, você pode jogá-los em smoothies, saladas, café ou outras bebidas de sua preferência.

7. Maca

A maca é um vegetal de raiz adaptogênico da família dos crucíferos cultivado no Peru.

Os benefícios da maca incluem equilíbrio hormonal, resistência, redução da ansiedade e depressão, força física e foco ou clareza mental. Maca também melhora a fertilidade e libido. Embora às vezes as evidências científicas das alegações sobre os benefícios para a saúde da maca não sejam significativamente suportadas, o conteúdo puro de minerais e vitaminas justifica essa raiz como um “superalimento”.

Como usar Maca:
Maca é um pó fino que pode ser adicionado a qualquer coisa como aveia, granola e cereais de café da manhã a sobremesas, smoothies e sucos . O pó é facilmente misturado em qualquer coisa que você escolher.

8. Cogumelos

 Os cogumelos podem ser incluídos na categoria adaptógenos, mas eles também tem  várias formas, desde alimentos integrais, versões secas, até um pó e em diferentes tipos, como reishi, shiitake, chaga, maitake, ostra-rei ou cordyceps. Os benefícios dos cogumelos são interessantes e merecem mais pesquisas sobre seus benefícios ajudando a reduzir certos tipos de câncer a melhorar a saúde do coração.

 Podem ajudar a melhorar a imunidade e melhorar a saúde do coração e reduzir resfriados comuns e certos tipos de câncer. A maioria desses benefícios vem das propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes dos cogumelos. Algumas pesquisas mostram que os cogumelos fornecem todos esses benefícios para a saúde porque protegem contra o estresse oxidativo e podem ajudar a fortalecer as mitocôndrias ou as potências que fornecem energia às células do corpo.

Durante o processamento dos alimentos, grandes quantidades dos seus componentes são perdidos, então o ideal para se poder beneficiar de todos eles é consumi-los crus e de preferência sempre que possível orgânicos. Mas sabemos que nem sempre isso é possível  devido aos preços elevados que são comercializado.

 

 

Vanessa Bonafini

http://www.vanessabonafini.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s