Viver com múltiplas verdades

Câncer traz perda. Câncer traz tristeza. Câncer traz medo. Você é uma vitima . Você está sofrendo. Ou o câncer traz apreciação . Câncer traz mudança. Câncer traz conexão . Você é uma sobrevivente. Você é resiliente.

Ou todas essas coisas podem ser verdadeiras ?

No entanto você pode ter sido afetada (o) pelo câncer , é provável que tenha experimentado sofrimento, medo e raiva em algum momento. Por quê ? Porque para a maioria das pessoas, o câncer traz ameaças e perdas de alguma forma. As perdas podem ser sutis ou mais extensas, perdas físicas , perdas de relacionamento, a perda de quem você era antes do câncer entrar na sua vida.

E é provável que mesmo que você não tenha experimentado isso pessoalmente, já tenha ouvido falar de pessoas que descrevem como experimentaram crescimento, apreciação e gratidão após o câncer entrar em suas vidas.

O que é notável em nossas mentes é que construímos nossa realidade e podemos adotar um número infinito de perspectivas sobre uma determinada situação . O que isso significa é que existe um número infinito de verdades sobre qualquer experiência.

Existem partes da sua experiência das quais você cresceu ? A resposta pode ser sim.

Se você pudesse desfazer toda essa experiência, faria ? A resposta também pode ser sim.

Você se sente mais vulnerável desde o diagnóstico ? Você sente simultaneamente que pode lidar com mais do que antes do câncer ?

É importante permitir a coexistência dessas verdades. Nossa mentes são capazes de criar quase qualquer história que escolhermos. Isso pode ser uma benção quando escolhemos narrativas auto-compassivas que nos permitem fazer escolhas saudáveis por nós mesmos. Mas isso pode ser um fardo quando somos autocráticos ou focamos nos piores cenários.

O ponto principal é que a maneira como pensamos sobre as coisas afeta nossa experiência com elas.

Para quem está experimentando um conjunto complexo de sentimentos sobre sua experiência com câncer ( que basicamente muita gente ) é comum questionar por que um conjunto de sentimentos está dominando em um determinado momento. Tem pessoas que se sentem especialmente tristes, se perguntam “Por que não sou grato pelo que tenho ” ? Eles são duros consigo mesmo. Da mesma forma existem pessoas que conseguem se sentir felizes mesmo quando as coisas estão ruins. Isso significa que eu estou bem com essa coisa horrível que aconteceu ?

Quando as pessoas pensam que deveriam estar se sentindo de maneira diferente do que elas, geralmente ficam presas. Por tanto o truque é permitir-se experimentar essas múltiplas verdades e entender que é uma experiência e tudo passa.

Depois de se dar essa permissão , você poderá retratar certos sentimentos com mais frequência do que outros. Eu uso a palavra Escolher cuidadosamente aqui com o entendimento de que existem muitos aspectos da aparência de quem não temos escolha. Existem muitos sinais visíveis de câncer que estão fora de controle. Mas na medida em que alguém  com câncer pode fazer escolhas, que narrativa você escolhe retratar ? Lembre-se em tudo que está fora de controle, isso está sob seu controle.

A verdade que você escolhe viver

Outro subproduto da convivência com múltiplas verdades é que as pessoas que o conhecem podem não entender a complexidade do que está passando. Seu sofrimento, seus sentimentos, sua dor e seu medo são muitas vezes inivisíveis. Seus familiares podem não compreender completamente que apesar de tudo o que você está passando, também podem ter momentos de alegria e agradecimento. Isso não significa que você superou. Mais pode ajudar a superar.

Por fim você pode decidir o que o câncer significa para você . Você pode decidir a qualquer momento se pode sentir pena de você e ficar na cama, ou então você pode decidir se concentrar no mesmo momento no que é mais importante para você e entrar na vida o mais plenamente possível . Não estou sugerindo que você possa escolher seus sentimentos. Mas você pode escolher o significado que você fás deles. Existem múltiplas verdades na experiência e em como nos sentimos. Existem múltiplas verdades em quem somos. Existem várias verdades no que a experiência do câncer traz.

Então qual é a verdade ? Bem o que você focar pode se tornar sua verdade.

Lembre-se, tristeza e gratidão podem coexistir. Permita-se experimentar a totalidade do que você está sentindo. Então quando precisar de descanso de um determinado ângulo ou perspectiva, alimente a alternativa. Você pode ampliar uma perspectiva que você valoriza compartilhando-a , registrando-se em um diário ou trabalhando  através da conversa interna. Seja flexível quando uma certa perspectiva não estiver funcionando para você .

Você é autora (o) da sua história. Você é o criador da sua verdade. Você pode ser a voz da compaixão . Ninguém escolhe câncer . Mas você pode escolher sua “verdade”

 

Vanessa Bonafini

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s