Anvisa quer legalizar maconha no Brasil !

Resultado de imagem para canabidiol é legalizado no brasil

Pacientes brasileiros que precisam de canabidiol, substância extraída da maconha para uso terapêutico, só têm acesso ao medicamento por meio de importação. O processo é caro e precisa ser autorizado anualmente pela agência.

A luta de muitas famílias continua, pois, para conseguir importar o medicamento sob prescrição e laudo médico e de forma onerosa. A ANVISA, a cada ano, demonstra a compreensão da importância medicinal do CBD para várias patologias. Avanços na legalização da importação dos produtos à base de canabidiol foram feitos pela agência brasileira, mas muito mais deve ser feito nos próximos meses. Atualmente, é necessária uma autorização para a importação do produto e tal autorização tem validade de um ano. Mais de 4 mil pessoas já conseguiram esta autorização para a importação.

O Brasil tem todas as condições para se tornar um grande player no mercado mundial, e por isso temos que pensar em regulamentações mais amplas, desburocratizadas e que permitam acesso a produtos / medicamentos legalizados e de alta qualidade, evitando-se assim os perigos da clandestinidade.

Dados apontam números extraordinários no mercado do CBD no Brasil, caso normatizado, podendo gerar em alguns anos, cifras anuais em torno de R$ 5 bilhões de reais. E isso é apenas o começo.

Há cada ano vem crescendo o uso terapêutico do Canabidiol e muitos paradigmas sendo quebrados, desmistificado conceitos errados. Com o crescimento da indústria e de novas regulamentações que acontecem cada vez mais no mundo, muitos médicos têm tido uma nova visão do tema Canabidiol e começam a requerer ações mais assertivas e urgentes pelos órgãos regulatórios no sentido de melhorar acesso e diminuir custos dos produtos.

A maconha e o CBD são diferentes. Nesse contexto, temos o THC, a substância psicoativa da planta. É essa a substância que dá o “barato” quando alguém fuma maconha. Desta forma, os novos medicamentos e produtos à base de CBD possuem um índice de THC baixíssimo, ou alguns não possuem, como no caso do PURODIOL que é 100 % natural, 100% produzido em área farmacêutica (ativo e produto final) e isento de THC.

Vanessa Bonafini

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s